Domingo, 22 Octubre 2017
Ultimas noticias
Casa » Atlético-PR perde para o Santos e fica fora da Libertadores

Atlético-PR perde para o Santos e fica fora da Libertadores

12 Agosto 2017

Segundo o defensor, se o Rubro-Negro tivesse saído em vantagem, diante da pressão e da impaciência do torcedor do Peixe, certamente a classificação para as quartas de final viria.

No outro jogo da noite, o Botafogo venceu o Nacional do Uruguai por 2 a 0, no Engenhão, e garantiu vaga nas quartas de final. "Estou muito feliz", explicou Bruno Henrique na saída do gramado. Já o Atlético-PR chutou seis vezes contra a meta de Vanderlei. Aos 15, o Santos resolveu sair para o jogo e atacar. O goleiro santista em nenhum momento se mostrou abatido por não ter sido convocado para a seleção brasileira. A primeira partida havia sido 1 a 0 para o time carioca. Escanteio foi cobrado e dessa vez Fabrício finalizou de cabeça.

"A equipe teve um ótimo desempenho, pressionou, controlou o jogo e é difícil jogar na Vila Belmiro, mas, infelizmente, não conseguimos reverter isso em gols". Sidcley também arriscou de longe, mas a bola não queria mesmo entrar.

O Santos foi quase um espectador no primeiro tempo. Depois dos 30 minutos nos desorganizamos e na única chance que eles tiveram eles converteram com muita qualidade. Não fosse Vanderlei e Veríssimo, o placar até poderia ser amplo aos visitantes. Caso o camisa 8 seja desfalque, há a chance de um meio-campo mais ofensivo, com apenas um jogador de marcação (Alison ou Yuri) e dois meias (Jean Mota e Lucas Lima). Aí a equipe melhorou.

Aos 27 da etapa final, até a trave atrapalhou o Atlético-PR. Já a torcida retribuía gritando o nome do goleiro.

Aos 32, o Santos abriu o placar e matou a partida.

Depois de tanto perder oportunidades, o Atlético-PR seria castigado aos 32 minutos. A defesa está bem sólida e isso é bom, mas temos um trabalho desde o ataque até o último homem, que é o Vanderlei. O tento fez a Vila explodir e também fez os atleticanos desabarem.

Se avançar à semifinal e, por sequência, para a grande decisão, o Peixe deve mandar a partida para o Pacaembu, em São Paulo, com carga máxima de 40 mil pessoas.

Cartões amarelos: ATLÉTICO-PR: Guilherme.

Bruno Henrique, Copete (Thiago Ribeiro) e Ricardo Oliveira.

Atlético-PR perde para o Santos e fica fora da Libertadores